Nunca sabemos quais imprevistos a vida vai jogar em nosso caminho, mas podemos nos preparar financeiramente para o inesperado criando uma reserva de emergência

Infelizmente, os brasileiros são os mais vulneráveis financeiramente em caso de emergência. Mais da metade da população (52,1%) não possui uma reserva financeira, segundo um estudo de março de 2020 da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil).

Ter alguma orientação sobre quando você deve usar sua reserva de emergência – e quando você não deve usá-la – permitirá que você faça o melhor uso de suas economias. Confira! 

O que é reserva de emergência?

A reserva financeira é uma fonte de renda disponível para ajudar as pessoas a lidar com imprevistos financeiros, como a perda de um emprego, uma doença, uma grande reforma em casa ou no carro – além da crise nacional que a pandemia de coronavírus tem criado. O objetivo desta reserva é melhorar a segurança financeira, criando uma rede de dinheiro ou outros ativos de alta liquidez que podem ser usados ​​para atender a despesas de emergência. 

Ela também reduz a necessidade de recorrer a opções de dívida com juros altos – como cartões de crédito e cheque especial. 

Como começar uma reserva de emergência? 

A reserva de emergência deve conter dinheiro suficiente para cobrir despesas de três a seis meses. Confira algumas dicas para iniciar a sua. 

Reveja seu orçamento  

Olhe para todo o gasto, contas atrasadas e despesas para entender a situação do seu orçamento. Depois, defina novos objetivos e prioridades com base na quantidade real das suas finanças.

Evite gastos não essenciais 

Neste momento é melhor adiar metas muito ambiciosas, como trocar de carro e viajar, ainda mais se você não possuir nenhuma reserva. Foque em objetivos de curto prazo, como refazer o seu orçamento. 

Seja mais conservador com seu dinheiro

De acordo com a pesquisa Raio X do Investidor, realizado no final de 2019 pela Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (ANBIMA), 56% dos brasileiros, começaram o ano de 2020 sem nenhuma reserva financeira. Ninguém esperava pela crise gerada na pandemia de Covid-19, mas agora é o momento ideal para você guardar dinheiro em nome da estabilidade financeira. 

Defina um valor mensal para poupar

Com as despesas revisitadas e novos objetivos definidos, já é possível começar a poupar. Defina um valor fixo mensal para guardar que não afete seus gastos fixos. Ainda que este valor seja pequeno, será o primeiro passo para a rotina do investimento seja estabelecida.

Quando usar a reserva de emergência? 

Uma pesquisa de 2017 do Banco Mundial mostrou que 44% da população consideram impossível levantar cerca de R$  2.500 em caso de necessidade extrema. A reserva financeira pode te ajudar nestes momentos, mas afinal, quando ela deve ser usada? 

Como referência, você pode aproveitar sua reserva financeira de emergência para despesas inesperadas, necessárias e urgentes. Isso pode incluir:

  • Custo de vida após perder o emprego ou corte de pagamento
  • Grandes reparos de automóveis após um acidente
  • Reformas domésticas de emergência- Emergência de saúde que exige despesas médicas 
  • Viagem inesperada e essencial

Solicitar um empréstimo pessoal  

A Click Cash é a opção ideal  se você precisa de dinheiro agora e não possui uma reserva financeira. Aqui você consegue, de forma 100% online, obter o seu crédito em poucos minutos. 

Basta baixar o aplicativo, selecionar o valor desejado e o número de parcelas que deseja parcelar. Após fornecer algumas informações importantes sobre você, o seu perfil de crédito é criado e a Click Cash retorna com uma proposta feita para sua situação.

Deixe um comentário

PT_BR