O termo fintech apareceu pela primeira vez entre os anos 1980-90 pelos jornais americanos, mas só tomou fama após a crise financeira de 2008, quando novas empresas começaram a usar tecnologias mobile, inteligência artificial e etc para entregar soluções financeiras eficientes e mais baratas. 

Neste texto vamos abordar o que é uma fintech e mostrar como essas empresas estão mudando o jeito com o qual lidamos com situações financeiras. 

O que é fintech? 

Fintech é a união dos termos “finanças” e “tecnologia” e refere-se a qualquer negócio que utilize tecnologia para melhorar ou automatizar serviços e processos financeiros. 

E essa indústria é gigante. Pense no ano de 2020 por um momento, e como a tecnologia está mudando drasticamente nossa relação com o dinheiro. Com o distanciamento social causado pela pandemia do coronavírus, vimos uma maior necessidade de realizar operações financeiras sem sair de casa. Mas como isso foi possível? 

Tendo a teconolgia como o maior foco, essas empresas disponibilizam diversos serviços financeiros como, contas bancárias digitais, cartão de crédito, empréstimo e investimentos. 

Diferente de bancos tradicionais, as fintechs têm uma tendência de oferecer um serviço mais especializado em determinado produto – como o empréstimo pessoal, no caso da Click Cash, para oferecer mais qualidade e foco. 

E já existem mais de 742 fintechs no Brasil em 2020, um aumento de 34% em relação à 2019. Os dados são do Distrito Fintech Report, um levantamento realizado pelo Distrito, que mostra que a área já atraiu U$ 939 milhões em aportes financeiros. 

Qual a diferença entre fintech e Startup? 

Startup é uma empresa nova, que está desenvolvendo o seu principal produto com a tecnologia em seu DNA. Fintech é qualquer empresa que ofereça serviços financeiros através da tecnologia. 

Fintechs são seguras? 

No Brasil, podem ser autorizadas a funcionar dois tipos de fintechs de crédito – para intermediação online entre credores e devedores: a Sociedade de Crédito Direto (SCD) e a Sociedade de Empréstimo entre Pessoas (SEP), cujas operações constarão do Sistema de Informações de Créditos (SCR). 

De acordo com o Banco Central, as fintechs estão regulamentadas desde abril de 2018 pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) – Resoluções 4.656 e 4.657.

Quais sãos os diferenciais da Click Cash 

Nosso co-founder, Douglas Murdoch, aponta que “a Click Cash é uma fintech que veio para desburocratizar e facilitar o acesso ao crédito no Brasil, por meio de um processo 100% mobile. Através da análise de dados do celular, conseguimos ampliar a segurança, os índices de aprovação e a previsibilidade”. Neste processo de empréstimo online, você pode solicitar o crédito em poucos minutos e receber o dinheiro na sua conta em até um dia útil.  

Além disso, aqui você pode conseguir o empréstimo pessoal sem garantia, com parcelamento em boleto de até 24 vezes. 

Entendeu o que é uma fintech? Essas empresas chegaram para melhorar sua relação com finanças e tecnologia e continuarão criando novas soluções para antigas dificuldades. 

Deixe nos comentários outras dúvidas sobre esse e outros temas do setor financeiro!

Deixe um comentário

PT_BR